Networking: ou você pratica ou não cresce

Mais do que apenas manter ou construir contatos, o profissional consegue atingir níveis mais altos através de um networking bem praticado

 

Networking é uma expressão muito utilizada no mundo dos negócios. O dicionário define teoricamente: networking é uma rede de contatos. Diz respeito às pessoas que um indivíduo conhece e aos relacionamentos pessoais, comerciais e profissionais que mantêm com elas. A palavra é a união dos termos em inglês “net”, que significa “rede”, e “working”, que é “trabalhando”. Na prática, no entanto, networking é muito mais que isso.

Mais do que apenas manter ou construir contatos, o profissional consegue atingir níveis mais altos através de um networking bem praticado. É isso: networking é uma prática.

A seguir, vou abordar dicas simples, mas assertivas para quem deseja praticar um bom networking:

1) Como iniciar um networking

Em 3 passos, é possível iniciar o networking perfeito:

Passo 1 – Sinta o seu negócio

O networking deve partir de dentro, para começar. O profissional deve sempre se sentir com vontade de apresentar ao mundo o que ele faz, ter segurança de que isso é a melhor escolha que ele tomou e que isso é o que ele faria pelo resto da vida. Ou seja, ele deve estar satisfeito com o seu negócio. Sentindo-se assim, o profissional irá, naturalmente, causar boas impressões sempre que falar a respeito.

Passo 2 – Saiba o que falar

Após sentir a importância e o valor do seu negócio ou trabalho, o profissional deve saber o que falar. Não adianta ter um entusiasmo sobre ele e não saber apresentar dados e pontos relevantes e interessantes. Então, para descobrir o que falar, é preciso, antes de tudo, fazer a si mesmo algumas perguntas:

“Como despertar interesse para ouvir sobre o meu trabalho?”

“Como o meu trabalho pode causar uma transformação nas pessoas?”

“Por que alguém investiria no meu trabalho?”

Feito isso, o passo seguinte é formular um “discurso”, respostas aos eventuais questionamentos.

Passo 3 – Pratique

Agora é falar. Falar sobre as transformações, estratégias que usou, outros contatos que conheceu. É necessário ter sempre de fácil acesso cases rápidos do negócio e formas de entrar em contato com o profissional.

Por exemplo: Separar em uma pasta do smartphone algumas imagens de clientes, projetos, dados etc. Ter um cartão de visitas com dados mais importantes, como nome, empresa e função, telefone e e-mail.

2) Quando praticar o networking

O segredo desse passo é simples: ser elegante e jamais inconveniente.

Assim, o profissional não irá tratar a vida como uma sala de reuniões, sempre. Então, quando ele perceber uma oportunidade de falar sobre o negócio, é preciso analisar, antes, se ali cabe aprofundar mais no assunto.

3) Quais locais mais oportunos

Há locais que são praticamente uma mina de ouro, e com um bom networking eles se tornam ainda mais valiosos. Os locais mais oportunos, são:

Eventos;

Treinamentos;

Jantares e almoços corporativos;

Feiras de exposição.

É possível praticar networking até na praia. Porém, há locais que a conversão de uma conversa para um contrato fechado é mais provável.

Locais como eventos, treinamentos, jantares ou almoços corporativos, e feiras de exposição, são compostos por um público muito específico e com um objetivo único: passar de nível. Apresentar-se a essas pessoas como o portal para o próximo nível que elas tanto desejam é fundamental.

4) Vantagens do networking

Vamos enumerar as quatro principais vantagens:

a) Um contato leva a outro.

b) Mais oportunidade de conhecerem seu trabalho e negócio.

c) Quanto mais pessoas inteiradas, mais indicações.

d) Quanto mais indicações, mais oportunidades.

O networking é, como teoricamente definido antes, uma rede de contatos. Logo, o profissional constrói diversas relações úteis e vitais para o seu negócio.

5) Como manter um contato

É muito importante que o profissional mantenha contato com pessoas com grandes potenciais para alavancar o seu negócio. Por isso, é preciso trabalhar fortemente nisso.

Claro que contatos de networking podem se tornar grandes amizades, e é assim, na maiorias das vezes, que se “mantém o contato”.

Promover encontros é a melhor opção para quebrar aquela barreira do “quando eu precisar de você, eu te procuro”. A ideia é que o profissional marque cafés, almoços, happy hours. Que convide pessoas para conversar sobre uma notícia que achou interessante daquele segmento e para passar uma dica que encaixaria perfeitamente naquele negócio.

6) Dica bônus

Algo que observei é que a maioria dos empreendedores de sucesso foram independentes. Mas, o que quero dizer com isso? Eles tomaram atitudes.

Independente de um colega acompanhar, ou terem apoio de amigos, eles buscaram e construíram a própria rede de contatos. Colocaram à frente a determinação e esqueceram a inibição. Muitos começaram sozinhos, e ao longo do tempo foram se fortalecendo através dos contatos em conexão.

Ao dividirem sacadas, opiniões, experiências sobre o mercado em que atuam, a fundamentação foi instruindo os próximos passos a serem dados em seus negócios.

Cada vez mais assertivos, esses passos foram trilhando o caminho rumo ao topo. Ou seja, o profissional não deve esperar alguém ir com ele a um evento, treinamento ou acompanha-lo no almoço que ele quer ter com determinado contato.

É necessário fazer isso junto ao desejo que ele tem de realizar o seu sonho, em alcançar o sucesso. Essas serão as suas mais fiéis companhias.

É também imprescindível construir uma relação de fato, afinal, o networking é além de contatos rentáveis ao negócio. Praticar networking é conviver com pessoas que pensam como a gente, que possam evoluir juntos, seja nos negócios e na vida pessoal.

É através da comunicação e contato que saímos do lugar, e se forem bem feitos, passamos para os próximos níveis instantaneamente. Procure praticar o networking, fale mais do seu negócio. Formule sua apresentação. Frequente os locais mais oportunos, mantenha contatos.

Samuel Pereira — Fundador do “Segredos da Audiência Ao Vivo”, um dos maiores eventos do Brasil de Marketing Digital e o maior do mundo de Tráfego e Audiência na Internet. É CEO da Mostarda Web e nos últimos anos criou mais de 60 blogs e sites do zero, ultrapassou a marca de mais de 200 milhões de visualizações de páginas e mais de 1 milhão de seguidores nas redes sociais de seus blogs e redes pessoais. É também Co-Autor do livro Negócios Digitais, Best Seller na Veja. Em seus treinamentos presenciais e online já treinou mais de 2.000 pessoas no Brasil e em diversos países.

Fonte: administradores.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.